Marcelo Semer publica livro sobre as contradições do Judiciário brasileiro

O criminalista Marcelo Semer está lançando o livro “Os paradoxos da Justiça: Judiciário e Política no Brasil”,  pela Contracorrente.

Segundo os editores, trata-se de “um corajoso diagnóstico sobre as maiores contradições encontradas no Judiciário brasileiro: a obra representa uma quebra de silêncio dentro de uma das instituições mais importantes do país e, ao mesmo tempo, uma das mais autoritárias e patriarcais”.

O prefácio é de Rubens Casara, juiz da 43ª Vara Criminal do Rio de Janeiro.

Para Casara, “a crise de confiança no Judiciário, a tendência populista, a ideologia punitivista, as práticas autoritárias e a contribuição dos juízes brasileiros à derrocada do Estado Democrático de Direito, dentre outras distorções, são analisadas com profundidade e clareza neste livro, que nasce com a vocação de se tornar um clássico”.

Semer é Doutor em Criminologia e Mestre em Direito Penal pela USP. Desembargador do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo, é membro e ex-presidente da Associação Juízes para a Democracia. Foi colunista no Terra Magazine, Justificando e Cult. Autor de “Entre Salas e Celas: Dor e Esperança nas Crônicas de um Juiz Criminal” e “Sentenciando Tráfico: o papel do juiz do grande encarceramento”.

Matéria de Frederico Vasconcelos na Folha de São Paulo em 30 de Junho de 2021.